IMIGRAÇÃO

A verdade sobre pedidos de asilo nos EUA

Já temos publicado vários artigos sobre imigração. Mas já é hora para enfocarmos uma parte do sistema migratório que virou manchete nos últimos meses.

Todo mundo tem acompanhado a onda migratória para os Estados Unidos de pessoas do México e da América Central. Na fronteira entre o México e os Estados Unidos, milhares de pessoas estão aguardando para entrar. Mas a maioria dessas pessoas não quer simplesmente visitar ou trabalhar nos Estados Unidos. Elas querem proteção; elas querem pedir asilo.

Obter asilo nos Estados Unidos não é nada fácil. O pedido é feito dentro do país ou num ponto de entrada. Antes de qualquer coisa, o solicitante precisa preencher e entregar o formulário I-589, Application for Asylum and for Withholding of Removal.

Depois, fará uma entrevista com agentes da USCIS. Na entrevista, eles verificarão se realmente o solicitante não pode retornar a seu país de origem por causa de um “temor crível” de perseguição por sua raça, religião, nacionalidade, opiniões políticas ou por pertencer a um grupo social em particular.

Normalmente, o processo todo - desde o pedido inicial até uma decisão administrativa - leva até 180 dias. Mas se for negado e o solicitante estiver no país ilegalmente, pode levar ainda mais tempo, pois o caso chegará às cortes de imigração onde um juiz ouvirá o caso.

O atual sistema de pedido de asilo se baseia nas leis domésticas e em acordos internacionais. Para mais informações, veja o site da USCIS aqui. O processo é complicado, então é recomendável que contrate um advogado com experiência na área para ajudar.